Tia é presa por abusar sexualmente da sobrinha, filmar crime e vender por R$ 30

A polícia iniciou a investigação depois que a mulher armazenou e compartilhou imagens relacionadas a abuso e exploração sexual infantil pela internet.

Uma mulher de 27 anos foi presa suspeita de abusar sexualmente da sobrinha de 9 anos no Espírito Santo. Durante a investigação, a polícia descobriu ainda que a tia filmava o crime e vendia o material por R$ 30.

A polícia iniciou a investigação depois que a mulher armazenou e compartilhou imagens relacionadas a abuso e exploração sexual infantil pela internet.

A prisão ocorreu por equipes da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), após recebimento de relatório do National Center for Missing & Exploited Children (NCMEC).

“Essa mulher alegou estar desempregada e fazia programas por R$ 150. Em algumas ocasiões, alguns homens começaram a perguntar se havia alguma mulher mais nova e ela falou que tinha a sobrinha de nove anos, que passava o dia todo com elas. Começou a filmar a sobrinha e enviava esse material pelo WhatsApp”.

A vítima ficava na casa da avó e da tia enquanto a mãe trabalhava. As duas alegaram que não sabiam dos abusos.

Ela foi autuada em flagrante por manter conteúdo pornográfico no computador e estupro de vulnerável.

Fonte: Brasil 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *