Mulher que incendiou casa com a avó dentro vai para audiência de custódia em Manaus

A neta foi presa em flagrante após ter tocado fogo na casa com a avó de 95 anos dentro da residência. A idosa morreu queimada.

A mulher de 36 anos, suspeita de ter incendiado a casa com a própria avó dentro, foi conduzida na manhã desta terça-feira (14), para audiência de custódia em Manaus. O caso aconteceu no Distrito Cacau Pirêra, no município de Iranduba. A neta foi presa em flagrante após ter tocado fogo na casa com a avó de 95 anos dentro da residência. A idosa morreu queimada. 

Segundo a polícia, a suspeita foi encontrada e contida pelos vizinhos no terreno da casa com um isqueiro na mão. Ela não conseguiu se expressar bem porque aparentava ter um distúrbio mental. Pegamos ela dentro da casa com um isqueiro na mão”, disse o delegado Orlando Amaral, do Posto de Policiamento Integrado (PPI) de Cacau Pirêra.

Ainda segundo o delegado, a mulher revelou aos policiais que queimou a idosa “porque ela pediu para morrer”.

Além da mulher e da avó, morava na casa outra neta com o marido, que não estavam na residência na hora do incêndio.

Após ser ouvida na audiência de custódia, que acontece no Fórum Henoch da Silva Reis, localizado no bairro São Francisco, zona Sul de Manaus, a mulher passará por exames para confirmar se ela possui problemas neurológicos.

*Informações CM7 Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *