Motoqueiro de APP levava passageira para entrevista de emprego quando morreu esmagado no Distrito

Ela não teve a identidade revelada, pois rapidamente foi socorrida por comerciantes da região e levada a Hospital e Pronto Socorro João Lúcio.

A passageira que estava na garupa do motociclista de aplicativo, que morreu em um grave acidente de trânsito no bairro Distrito na manhã desta quarta-feira (03), estava a caminho de uma entrevista de emprego. Ela não teve a identidade revelada, pois rapidamente foi socorrida por comerciantes da região e levada a Hospital e Pronto Socorro João Lúcio.

A jovem sobreviveu ao acidente que tirou a vítima do condutor da motocicleta, identificado como Hawawr Henrique Brito, de 31 anos de idade.   Testemunhas relataram que o condutor da tentou ultrapassar a carreta pela direita, mas acabou  perdendo o controle, caindo debaixo da roda do veículo de grande porte.

O motoqueiro teve parte da cabeça esmagada e morreu ainda no local. A passageira quebrou um dos braços e teve outros ferimentos, mas não corre risco de morte.

Fonte: CM7 Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *