Moro: ‘Não me querem em Brasília, mas vão acabar me tendo lá’

Moro e sua esposa, Rosângela, participaram do evento Mulheres Unidas por São Paulo, em Guarulhos.

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro afirmou não temer a tentativa de seus adversários de impugnar sua candidatura ao Senado pelo Paraná. Na semana passada, o deputado Ricardo Barros, líder do governo na Câmara, afirmou que seu partido, o PP, avalia o pedido de impugnação.Anúncios

“Tem muita gente que não me quer em Brasília. Tem muita gente que é refratária ao combate à corrupção, quer continuar com os privilégios. Esse é exatamente o motivo pelo qual eu tenho que ir para Brasília”, afirmou o ex-juiz, neste sábado (23).

“O que a gente tem visto inclusive, uma coisa estranha, é que tem tido muita liberação de gente que foi condenada por corrupção, envolvido em corrupção, para disputar as eleições. Ontem foi o Eduardo Cunha. É uma vergonha para o país o Eduardo Cunha poder concorrer. Mas eu não estou preocupado com a minha situação, não. O pessoal não me quer em Brasília, mas vai acabar me tendo lá.”

Moro e sua esposa, Rosângela, participaram do evento Mulheres Unidas por São Paulo, em Guarulhos.

Fonte: O Antagonista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *