Como fazer com que as crianças percam o medo de ir ao dentista?

No próximo dia 20 de março é comemorado o Dia Mundial da Saúde Bucal

O medo de ir ao dentista durante a infância é visto como algo bastante comum, mas não deixa de ser um sério problema. Devido a esse medo, muitas crianças acabam tendo problemas odontológicos sérios que poderiam ser facilmente evitados.

É nesse momento que especialistas orientam que pais ou responsáveis criem o hábito com a criança o mais cedo possível de ir ao dentista pelo menos duas vezes ao ano, mesmo sem haver aparentes problemas. Dessa forma, diminui-se o medo e melhora a saúde bucal desde cedo na criança.

Matheus Sebe, dentista do Sistema Hapvida, explica que o atendimento odontológico começa antes da criança entrar no consultório, isso porque os pais já conhecem como funciona o procedimento, e podem auxiliar nessa conscientização.

“A criança chega no consultório com essa confusão de atendimento, onde ela não sabe como vai acontecer, por isso surgem medo, insegurança e a negativa de fazer ou não o atendimento. Portanto, é importante que desde casa, haja uma construção saudável de como deve ser o atendimento dela, para que então ela construa as suas próprias experiências e principalmente as suas próprias conclusões com o procedimento ao qual ela vai ser submetida”, destaca.

O dentista ainda relata como o atendimento às crianças necessitam de um acolhimento diferencial. “O nosso trabalho profissional é fazer com que nosso ambiente seja cada vez mais receptivo para as crianças, nos consultórios pediátricos nós temos todo uma ambientação mais lúdica e divertida para as crianças, fazendo com que elas tenham uma maior aceitação dos procedimentos. Por isso pedimos aos pais que conversem com seus filhos, dizendo que ir ao dentista é uma ação necessária para prevenir algumas doenças bucais”.

Dia Mundial da Saúde Bucal

No próximo dia 20 de março é celebrado o Dia Mundial da Saúde Bucal, instituída pela Lei nº 10.465/2.002, esta data comemorativa tem o objetivo de chamar a atenção para a importância da saúde bucal.

Além de exercer papel fundamental na fala, na mastigação e na respiração, a boca é a maior cavidade do corpo a ter contato direto com o meio ambiente, sendo a porta de entrada para bactérias e outros microrganismos prejudiciais à saúde. Ter uma boa higiene bucal diminui o risco de desenvolvimento de problemas bucais e dentários. Outro fator importante é ressaltar que doenças da boca têm relação direta com o fumo, o consumo de álcool e a má alimentação.

Sobre o Sistema Hapvida
O Hapvida é o maior sistema de saúde e planos odontológicos do Brasil em número de beneficiários, com mais de 15 milhões de clientes, de pessoas físicas a grandes empresas, em todo o país. Em 2022, após a combinação de negócios do Sistema Hapvida com o Grupo NotreDame Intermédica, foi criada uma das maiores operadoras verticalizadas do mundo. Fundada em 1979, a companhia possui mais de 66 mil funcionários e cerca de 60 mil prestadores médicos e dentistas. Com a missão de garantir o acesso à saúde de qualidade a um custo eficiente, a empresa conta com uma rede assistencial própria composta por 85 hospitais, 74 prontos atendimentos, 290 clínicas médicas e 260 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial. Em 2020, a companhia registrou receita líquida de R$ 8,6 bilhões. Mais informações, acesse: hapvida.com.br/ri.hapvida.com.br

Informações a Imprensa
F5 Comunicação e Eventos Corporativos
Jornalista Responsável: Hugo Araújo
Telefone: (92)3223-8076
Contatos: (92) 99482-9400 / (92) 99454-9329
E-mail: secretaria@f5comunicacao.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *