Caseiro é achado morto dentro de poça de sangue em sítio na BR-174

Um caseiro, identificado como Renê Dinelly Leite de Oliveira, 36, morreu ao ser baleado dentro do sítio onde trabalhava no KM 83, da BR-174.

Um caseiro, identificado como Renê Dinelly Leite de Oliveira, 36, morreu ao ser baleado dentro do sítio onde trabalhava no KM 83, da BR-174.

A patroa do homem foi quem registrou o caso junto à Polícia Civil e disse que encontrou o Renê estirado na porta de um dos quartos do imóvel,  após receber a ligação de um vizinho, por volta das 21h. O homem disse ao telefone apenas que tinha acontecido algo estranho com o caseiro e pediu que ela fosse ao local checar. Ao chegar, a mulher achou o funcionário caído de bruços dentro de uma poça de sangue.

Segundo a perícia, a vítima foi assassinada com um tiro. A Polícia Civil investiga o caso, mas ainda não tem informações sobre o possível suspeito.

Fonte: AM Digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *